topocolunavip

Publicidade
Cheila Naves

Cheila Naves

Mãe de três filhas, Cristã, Professora do IFTO, Empresaria de uma academia exclusivamente feminina. Foi a primeira coordenadora do projeto social internacional Brasil - Canadá, que trabalhava com mulheres em estado de vulnerabilidade.

Amantes do ciclismo de competição já podem comemorar. É que nessa terça feira, 18, Palmas passa a contar com uma Área de Proteção ao Ciclismo de Competição Pedro Caldas, que funcionará todas as terças e quintas-feiras, das 5 às 8 horas, e durante os primeiros 30 dias de funcionamento os agentes de Trânsito e Transporte da Secretaria de Segurança e Mobilidade Urbana (Sesmu) vão realizar um trabalho de sensibilização e educação na segurança dos usuários desta via.

A área foi definida após vários estudos realizados ao longo dos meses pelo corpo técnico da Sesmu, e foi regulamentada via Decreto de nº 1.673, publicado no Diário Oficial do Município, que a denominou Pedro Caldas (APCC Pedro Caldas).  A APCC tem um trecho de aproximadamente 1.400m e  abrange a Avenida LO - 03, entre as quadras ACSO 11 e Arso 21, no sentido Oeste/Leste e a Avenida NS - 03 entre a Avenida Juscelino Kubitscheck e a Avenida LO - 03, sentido Norte/Sul, que há poucos dias recebeu recapeamento e sinalização horizontal. O local já havia recebido da sinalizada vertical, com placas para dar maior visibilidade e segurança aos usuários da área.

Para a secretária de Segurança e Mobilidade Urbana, Welere Barbosa, a Área de Proteção ao Ciclismo, além de estimular a prática esportiva, pretende também suprir uma demanda existente em Palmas e contribuir para o fim do conflito entre ciclistas e veículos, sendo um estímulo à conscientização. “A criação da Área é sinônimo de civilidade e vem atender tanto aos ciclistas quanto às pessoas que praticam outros exercícios físicos”, concluiu.

Wédila Jacome

Foto Lucas Estevão

A Universidade Federal do Tocantins (UFT) publicou, nesta quinta-feira (23), o edital de seleção para ingresso no segundo semestre de 2019 aos cursos de graduação por meio do Sistema de Seleção Unificada (Sisu). Ao todo são 780 vagas distribuídas em três modalidades de concorrência: ampla concorrência; ações afirmativas da UFT (indígenas e quilombolas); e Lei 12.711/12 (Sistema de Cotas para Escolas Públicas).

As inscrições ocorrem de 4 a 7 de junho e serão feitas exclusivamente pela Internet, por meio do Portal do SISU, no endereço http://sisu.mec.gov.br. Para participar os candidatos devem ter realizado o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) em 2018 e obtido nota superior a zero na prova de Redação.

Os cursos, como o número de vagas distribuídas em cada modalidade podem ser visualizados no Edital Prograd nº 65/2019, do Processo Seletivo de Ingresso em cursos de graduação presenciais da UFT por meio do Sisu UFT 2019/2. LEIA MAIS:

Desde a última terça-feira (7) a UFT está presente na maior feira agrotecnológica da região Norte do país, a Agrotins, apresentando tecnologias e serviços com elevado nível técnico e custo abaixo dos praticados no mercado. Quem tem passado pelo estande da Universidade tem gostado do que vê e aprovado as iniciativas.

Ediclea Araújo, bióloga, aproveitou o momento para levar seus sobrinhos Cássio, de 10 anos e Lucas, de 12 anos, para visitar a Feira. No estande da UFT ela pretende despertar neles a curiosidade e o interesse pelos estudos e pesquisa. “Quero que eles conheçam coisas novas, tenha acesso às tecnologias desenvolvidas na Universidade, para quem sabe, eles decidam ser pesquisadores”, afirmou a tia entusiasta.

Página 1 de 18
Publicidade

Colunistas

Acesso Restrito

Contato

© Todos os direitos reservados. Ivonete Eich / Coluna VIP Tocantins | 2013-2017.

Desenvolvido por OceanoAzul 100x27